A primeira instituição financeira cooperativa do Brasil

Sicredi
22 / 09 / 2020

Inovação no agronegócio: tecnologia a serviço do desenvolvimento do campo

Por Sicredi

Combater doenças e pragas, obter maior precisão no acompanhamento da produção e mais assertividade na gestão financeira são alguns desafios vividos por produtores rurais de diversos perfis no Brasil. E muito provavelmente, você que tem seu próprio agronegócio ou trabalha no campo já enfrentou algo nesse sentido.

Este artigo do blog “Gente que coopera cresce” traz uma boa notícia para quem quer aumentar a produtividade, minimizando os riscos e seguindo as diretrizes da sustentabilidade: novas tecnologias e soluções inovadoras vêm ganhando cada vez mais terreno no agronegócio brasileiro e prometem melhorar – e muito – a vida dos trabalhadores do campo.

Trata-se de um movimento que transforma o meio rural, mas que, muitas vezes, se inicia fora dele, por meio de parcerias entre grandes empresas, startups, academia, investidores e, claro, agricultores e pecuaristas. A conexão entre esses diferentes atores tem sido uma forte tendência e vem se consolidando como uma maneira de contribuir com a perenidade e competitividade do agronegócio brasileiro.

No Sicredi, por exemplo, mantemos uma parceria permanente com o AgTech Garage – um dos maiores hubs de inovação da América Latina para o agro – como uma maneira de proporcionar geração de valor para os produtores rurais. Veja abaixo dois exemplos de iniciativas realizadas nesse contexto: 

Programa Intensive Connection – O Intensive Connection é o programa de potencialização de startups apoiado pelo Sicredi. Algumas das soluções desenvolvidas pelos participantes na primeira edição, realizada em 2019, já foram testadas por produtores rurais e tiveram avaliação positiva de 92% deles. Entre elas, estão aplicativos e softwares que ajudam agricultores no combate a doenças da soja, na rastreabilidade e até na gestão financeira da produção. A segunda edição do Intensive Connection já está em andamento.

 

Desafio Covid-19 - A iniciativa Desafio Covid-19: soluções digitais para o agronegócio tem como objetivo ajudar aos produtores rurais a enfrentar os problemas que surgiram em decorrência do novo coronavírus, auxiliando a produção e distribuição de alimentos, o abastecimento da população e o fortalecimento da economia, por meio de uma plataforma que disponibiliza diversos recursos digitais inovadores. 

 

Com o trabalho próximo a produtores rurais e startups sabemos que o uso de inteligência artificial, drones e softwares já é uma realidade no agronegócio brasileiro. Algo que irá transformar cada vez mais a vida de produtores rurais no país. E entre as principais tendências que podem ser destacadas nesse processo de transformação podemos listar:

Redução do tempo gasto com as atividades

Maior precisão nas operações agrícolas

Redução de custos e aumento do lucro

Melhor gestão agrícola da propriedade

Otimização de recursos e redução de impactos ambientais

 

Muito se diz sobre a possibilidade de o Brasil se posicionar como “celeiro do mundo”, e isso só poderá ser viabilizado quando a produção agrícola e pecuária do país estiver realmente tecnificada e se embasando em modelos que potencializem o aumento da produção, sem necessariamente ampliar a área. Tudo isso passa, como buscamos mostrar nas linhas acima, pelo incentivo à inovação e aplicação de novas tecnologias no campo, em um movimento de cooperação envolvendo diferentes setores da sociedade.