A primeira instituição financeira cooperativa do Brasil

Sicredi
20 / 08 / 2013

Gente que dá o sangue pelo time do coração

O Vitória, da Bahia, convocou a torcida para aumentar estoque de hemocentro

Você daria o próprio sangue pelo seu time do coração? O Vitória, da Bahia, contou com a paixão dos torcedores para cumprir a missão de aumentar o estoque de sangue da Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba). A estratégia para estimular a torcida a trocar o estádio pelo centro de doação foi bastante criativa. As tradicionais listras vermelhas do uniforme do clube foram retiradas e, à medida que o estoque do hemocentro fosse aumentando, as faixas vermelhas retornavam à camisa.



Chamada “Meu Sangue é rubro-negro”, a ação ocorreu em 2012 e contou com a cooperação de centenas de torcedores, fazendo com que as doações de sangue no hemocentro baiano aumentassem 46%. “Antes da campanha o estoque estava abaixo do ideal. Depois da campanha, obtivemos um reforço que nos deixa numa situação um pouco mais confortável” – afirmou a assessoria de imprensa da Hemoba ao Globo Esporte

O sentimento dos torcedores era de orgulho em poder apoiar o time e ajudar a salvar vidas. Muitos doaram sangue pela primeira vez. “Sempre quis, mas nunca tive coragem. O Vitória me deu um empurrão e estou aqui para fazer minha parte", contou Raimundo Roque ao jornal A Tarde

A ideia do Vitória da Bahia é mais um exemplo de como a paixão pelo esporte pode mobilizar multidões para apoiar causas nobres. Outro time do Estado, o Bahia, também uniu forças para reforçar os bancos de sangue com a  campanha "Sangue de Aço". Já o Sport, do Recife, fez uma ação semelhante, aumentando em 54% a doação de órgãos. Para saber mais sobre essa história, clique aqui

Imagem: A Tarde

Tags:
SOLIDARIEDADE E COLABORAÇÃO
VOLUNTARIADO
INSPIRAÇÃO
CIDADANIA
comments powered by Disqus