A primeira instituição financeira cooperativa do Brasil

Sicredi
19 / 10 / 2018

DICC 2018: O mundo cada vez mais fazendo junto

Dia Internacional das Cooperativas de Crédito

Todo ano, na terceira quinta-feira do mês de outubro comemoramos o Dia Internacional das Cooperativas de Crédito. E, para celebrar à altura, realizamos um evento muito especial que contou com a presença de mais de 70 jornalistas convidados, vindos de todas as partes do Brasil, além de três palestrantes que sabem muito sobre cooperativismo para compartilhar seus conhecimentos: João Tavares, Presidente-Executivo do Banco Cooperativo Sicredi, Harold Paquete Espínola Filho, Chefe de Departamento de Supervisão de Cooperativas e Instituições Não Bancárias do Banco Central, e Peter KronstrØm, Diretor para América Latina do Copenhagen Institute for Future Studies e fundador do Future Lounge.

O evento, realizado em uma das acolhedoras sedes do Sicredi, iniciou com um momento de integração e conversas animadas entre os convidados, seguido das boas vindas de Bianca Franchini, Gerente de Comunicação Institucional do Sicredi. Depois, foi a vez dos palestrantes começarem suas falas apresentando seus pontos de vista diferenciados sobre cooperativismo, tendências de mercado e o futuro dos negócios.

O primeiro a falar foi João Tavares, nosso Presidente, que fez um resgate inicial da história do cooperativismo e destacou que, embora o conceito de comunidade tenha evoluído, a missão do Sicredi continua a mesma, preservando os valores do passado.

Para João Tavares, o investimento em produtos e em inovação estão sempre pensando na experiência do associado, colocando ele no centro do negócio e procurando entregar soluções melhores para ele. Tavares também comentou sobre a evolução do perfil das agências, que hoje vai além de um mero local para realizar transações, sendo fundamental no apoio ao associado e relacionamento com ele.

Depois, foi a vez de Harold Paquete Espindola Filho, do Banco Central, oferecer um panorama do cooperativismo de crédito no Brasil, apresentando análises sobre oportunidades e desafios.

Além de identificar um momento de fortalecimento das cooperativas e possibilidades de crescimento, Harold falou sobre questões como regulação, segmentação e gerenciamento de riscos, que contribuem para uma reflexão sobre comportamento e valores. Ele também enfatizou a necessidade atual de fazer a diferença, de ir além da tecnologia, pois a cooperativa é uma sociedade de pessoas, uma sociedade relacional.

Já Peter KronstrØm, Diretor do Copenhagen Institute for Future Studies, apresentou as megatendências que estão transformando os cenários atual e futuro, reforçando a necessidade de pensar esse futuro a longo prazo. Também enfatizou que é preciso ir além do desenvolvimento tecnológico para entender algumas transformações que estão acontecendo.

Ao falar sobre a transformação digital que estamos vivendo, Peter KronstrØm ressaltou que estamos caminhando para um cenário de individualização e que estamos sofrendo os impactos de uma sociedade hiper ágil. Ele ainda identificou a metacognição como a capacidade central para o futuro, ou seja, aprender como aprender, assim como reaprender e entender que a educação deixará de ser concentrada no início da vida para durar a vida inteira.

Por fim, foi promovido um rico debate entre os palestrantes, com a mediação de Márcio Porte e a participação dos jornalistas convidados, que contribuíram com perguntas sobre os assuntos abordados e apontamentos sobre esse dia de muito aprendizado para todos.

Quer saber mais sobre o evento? Então confira o nosso vídeo de cobertura e acompanhe nos nosso canais os próximos conteúdos especiais, que apresentarão os principais destaques das palestras.

comments powered by Disqus